quinta-feira, 14 de abril de 2011


Garota "mata" aula e inventa que foi estuprada; acusado injustamente é preso
Cuiabá / Várzea Grande, 14/04/2011 - 15:44.



A atitude de uma mãe ajudou a impedir uma injustiça que estava sendo cometida contra o frentista Edmilson Costa Barbosa, 45 anos. Ele esta detido desde ontem no Cisc (Centro Integrado de Segurança e Cidadania) do PArque do Lago, acusado de ter estuprado uma garota de apenas 12 anos.
Todavia, uma amiga avisou a mãe da garota que tinha visto ela no Terminal André Maggi no momento em que alegou ter sido estuprada. Ao ser questionada, a garota confessou que inventou a história porque tinha "matado" aula.
De imediato, a mãe da menina compareceu ao Cisc para esclarecer os fatos. Edmilson, segundo policiais, é amigo da família.
Interrogada por policiais da Delegacia de Defesa de Defesa da Criança e da Mulher de Várzea Grande, a garota voltou a confessar a mentira. Ela reiterou que mentiu por que  faltou, sem consentimento dos pais, a aula no último dia 12.
Devido aos novos rumos do caso, a transferência do frentista para o presídio do Capão Grande foi suspensa. A delegada Daniela Maidel, que preside as investigações, irá comunicar os fatos ao Ministério Público e ao Judiciário para que a liberdade de Edmilson seja concedida
fonte-odocumento.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário